Sala de recreação: um casamento real aconteceu em realidade virtual

Sala de recreação: um casamento real aconteceu em realidade virtual

resumo

Em um mundo cada vez mais conectado, a linha entre o virtual e o real √© cada vez mais t√™nue. Por quase 20 anos agora, muitas pessoas usam a internet para conhecer pessoas, comunique-se e porque n√£o encontrar o amor. Esse fen√īmeno se ampliou com o surgimento de redes sociais e aplicativos de namoro. Hoje em dia, aplicativos como o Tinder se tornaram at√© mesmo uma das principais formas de namoro.



Ao mesmo tempo, existem muitos relatos de casais formados em jogos online como . Ao viverem grandes aventuras juntos, acontece que duas pessoas desenvolvem sentimentos recíprocos e acabam decidindo se encontrar no mundo real. Com efeito, seja qual for a sua forma, o virtual permite livrarmo-nos de certas cadeias que nos impedem na vida real, ultrapassar a sua timidez ou os seus complexos. Nos videogames e na internet, nada mais somos do que puros espíritos. Assim, paradoxalmente, poderíamos considerar que somos mais "reais" no mundo virtual.

VR promove namoro virtual

Sala de recreação: um casamento real aconteceu em realidade virtual

Nesse contexto, a RV pode ser o próximo passo para o namoro virtual. Sabendo que os usuários de fones de ouvido de RV controlam diretamente seus avatares, a parede que separa o real do virtual desmorona ainda mais. Chega de digitar em um teclado ou controlar um personagem com um mouse e um controlador. Na realidade virtual, gestos feitos no mundo real são transcritos no virtual tanto que é (quase) possível simular o contato físico.


Esta √© a raz√£o pela qual muitos usu√°rios de aplicativos sociais de RV gostam ou formaram amizades ou relacionamentos rom√Ęnticos com pessoas que conheceram na realidade virtual. Alguns at√© se divertem organizando casamentos (falsos) em RV. Em setembro de 2017, um australiano at√© fez seu pedido de casamento em realidade virtual. No entanto, a hist√≥ria contada para n√≥s hoje pelo site Wired √© em uma escala totalmente diferente.


Sala de recreação: casado em RV depois de se encontrar lá

Sala de recreação: um casamento real aconteceu em realidade virtual


Priscilla Olivia Wadsworth e Mark Daniel Gebbia, 27 e 37 anos, se casaram no final de 2017. Uma história de amor como qualquer outra, com uma exceção. Os dois pombinhos se conheceram em realidade virtual, aos poucos se apaixonaram por lá, e finalmente se casou oficialmente. Mais precisamente, foi no aplicativo Rec Room que nasceu esse romance atípico.

Antes de se casar em RV, Priscilla e Mark só se encontraram uma vez no mundo real. A maior parte de sua história foi escrita na sala de recreação. Uma história comovente que nos lembra que o amor não tem fronteiras.

Tamb√©m podemos esperar que esse tipo de relacionamento se torne cada vez mais comum √† medida que a realidade virtual cresce e se torna mais democr√°tica. No entanto, se esta √© uma anedota rom√Ęntica, a virtualiza√ß√£o das rela√ß√Ķes humanas tamb√©m apresenta um lado negro. Alguns meses atr√°s, um terapeuta sexual brit√Ęnico soou o alarme temendo que a pr√≥xima gera√ß√£o fosse completamente viciada em sexo em realidade virtual.




Adicione um comentário do Sala de recreação: um casamento real aconteceu em realidade virtual
Comentário enviado com sucesso! Vamos analisá-lo nas próximas horas.

×
Deja aqui tu email para recibir nuestra newsletter semanal, llena de ofertas y novedades de tu ciudad