[Teste] Por favor, não toque em nada: um jogo de fuga do qual você não vai escapar

[Teste] Por favor, não toque em nada: um jogo de fuga do qual você não vai escapar

resumo

[Teste] Por favor, não toque em nada: um jogo de fuga do qual você não vai escapar

Lan√ßado originalmente para PC em 2015, e um jogo de fuga. Da primeira categoria, ele assume a mec√Ęnica do jogo de clicar em muitos elementos para desencadear rea√ß√Ķes em cadeia e resolver quebra-cabe√ßas. A partir do segundo, ele oferece a agonizante atmosfera de um jogo a portas fechadas, cujo objetivo √© conseguir escapar utilizando toda sua l√≥gica e sua inventividade.



Nesse caso, entretanto, h√° muito pouca chance de voc√™ conseguir escapar. Trancado em um escrit√≥rio estranho, sozinho em frente a um grande bot√£o vermelho, a √ļnica instru√ß√£o √© aquela que seu colega te deixa antes de ir ao banheiro: 

Pelo contr√°rio, o objetivo do jogo aqui √© tocar em tudo, ver o que est√° acontecendo. De acordo com seu editor, o Bulkypix franc√™s, este t√≠tulo √© 

[Teste] Por favor, não toque em nada: um jogo de fuga do qual você não vai escapar

Para fazer isso, voc√™ ter√° que explorar e interagir com todos os elementos da decora√ß√£o desta pequena sala em que est√° confinado. Algumas solu√ß√Ķes s√£o bastante sutis e exigem a an√°lise das pistas implicitamente ocultas nas paredes para realizar uma s√©rie de a√ß√Ķes em uma ordem espec√≠fica. Por exemplo, voc√™ precisar√° encontrar uma maneira de abrir um console de comando para digitar um c√≥digo. Outros prop√≥sitos s√£o muito mais acess√≠veis, como quando voc√™ precisa quebrar uma impressora com um martelo.

Em qualquer caso, voc√™ ter√° que resolver cada um dos quebra-cabe√ßas do jogo para poder complet√°-lo 100%. Para fazer isso, voc√™ precisa estar atento e examinar cuidadosamente tudo ao seu redor, desde os lados, atr√°s de voc√™ ou acima de sua cabe√ßa. Nesse sentido, a experi√™ncia se presta particularmente bem √† realidade virtual. Assim como o personagem que voc√™ interpreta na visualiza√ß√£o em primeira pessoa, voc√™ est√° aparafusado a uma cadeira e ter√° que girar a cabe√ßa 360 ¬į para localizar cada elemento interativo da decora√ß√£o.



Durée de vie

[Teste] Por favor, não toque em nada: um jogo de fuga do qual você não vai escapar

Teoricamente, voc√™ pode terminar completamente este jogo em apenas alguns minutos, se voc√™ puder chegar a todas as solu√ß√Ķes poss√≠veis consecutivamente. Na pr√°tica, √© improv√°vel que voc√™ tenha sucesso. Alguns finais s√£o muito dif√≠ceis de descobrir e voc√™ pode ficar preso neste jogo por toda a eternidade.

No total, existem mais de trinta maneiras de destruir o mundo. Vários novos métodos foram adicionados em comparação com a versão para PC, e alguns já existentes foram modificados para adicionar um pouco de tempero e apimentar a experiência. No entanto, uma vez totalmente concluído, há pouco sentido em jogar novamente este jogo.

Cen√°rio

A falta de instru√ß√Ķes, de contexto e o ambiente de portas fechadas conferem a este t√≠tulo um car√°ter muito misterioso. cada boa descoberta o afasta ainda mais dessa primeira impress√£o, a ponto de, lenta mas seguramente, afundar na ansiedade paran√≥ica.

Quem é esse colega estranho cujo braço você só vê e que vai ao banheiro e nunca mais volta? Qual console é capaz de destruir o planeta com o toque de um botão? O que você está fazendo aqui, quem é você? São tantas perguntas que só serão elucidadas em poucas palavras ao longo da aventura.

De qualquer forma, essa vibra√ß√£o intrigante consegue colocar voc√™ no esp√≠rito do jogo, tanto com refer√™ncias ao humor e √† cultura pop, quanto terrivelmente estressante e assustador. Alguns finais s√£o bastante c√īmicos e ecoam diretamente 

gr√°ficos

Sem fingir que ir√° impression√°-lo, por favor, n√£o toque em nada se beneficia de gr√°ficos detalhados e bem-sucedidos em um estilo de desenho animado que contrasta com o aspecto horr√≠vel de certas cenas. Os efeitos de ilumina√ß√£o e anima√ß√Ķes contribuem para induzir o estresse no usu√°rio.



Soundtrack

Da mesma forma, os efeitos sonoros angustiantes e estrondosos permitem que voc√™ mergulhe totalmente nesta atmosfera angustiante e, muitas vezes, d√™ a sensa√ß√£o de ter 

A MAIORIA
> Uma experiência muito envolvente
> Jogabilidade adaptada à realidade virtual
> Referências à cultura popular
> Algumas passagens assustadorasOS MENORES
> Jogabilidade razoavelmente baixa
> Alguns quebra-cabeças que são muito complicados

Avaliação

Jogabilidade - 8
Tempo de vida - 6
Cen√°rio - 8
Gr√°ficos - 7
Trilha sonora - 7

7,5

Jogabilidade: Jogabilidade envolvente e divertida, um conceito original na encruzilhada de g√™neros.


Vida : Dificuldade vari√°vel, capacidade de reprodu√ß√£o bastante baixa.

CenárioUm ambiente misterioso e às vezes assustador, muitas referências culturais.

Gr√°ficos: Um estilo de desenho animado visualmente agrad√°vel, efeitos de luz que contribuem para a atmosfera.

Trilha sonora :  M√ļsica diversificada, efeitos sonoros que induzem √† ansiedade.



Adicione um comentário do [Teste] Por favor, não toque em nada: um jogo de fuga do qual você não vai escapar
Comentário enviado com sucesso! Vamos analisá-lo nas próximas horas.